01 MAI A 01JUN 08  .........................................................................

 JORGE SILVA MARQUES   

SUPERFICIAL #2.1

 MARCADOR PERMANENTE SOBRE PAPEL, (4) 30x24CM, 2008

 +

ARTIC CROSSING (8:28), ROB ELLIS, MUSIC FOR THE HOME, 2000

 

SALA EA-1.23 ESCOLA DE ARQUITECTURA

..

 

 

 

 

        A montagem que apresento deste projecto está centrada em quatro desenhos semelhantes. Na realidade são quarto, de sete desenhos feitos do mesmo modo, com o mesmo número de camadas, o mesmo número de linhas, da mesma dimensão e terão levado aproximadamente o mesmo tempo a fazer. Deveriam ser exactamente iguais. Menos um.
Percebo nestes desenhos a importância do processo e o modo automático e quase hipnótico como se desenvolve a imagem. A imagem não é complexa e o compromisso inicial tem muito que ver com o modo como o corpo interpreta esses movimentos regulares e sistemáticos e obedece á disciplina do próprio desenho. Os desenhos deveriam ser exactamente iguais.
Ao mesmo tempo o processo desenvolve uma espécie de falência dele mesmo à medida que os marcadores vão perdendo propriedades de marcar.
O desenho faz-se desenhando, ainda que o modelo de referência não esteja focado exactamente no desenho, mas antes numa acção repetida do corpo e do processo que permite abrir novas e outras possibilidades de desenhar, uma espécie de desenho fora do desenho. JSM

Jorge Silva Marques, 1967

Vive e trabalha no Porto
Artista Plástico e assistente de Desenho na Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto.
Ciclo Especial de Artes Plásticas – Pintura, Faculdade de Belas artes do Porto,1996.


Coordena o blog, Projectoindividual.blogspot.com, apresentação e divulgação de práticas de desenho.


Participa em exposições individuais e colectivas desde 1993.

 

..................................................................................................