01 MAI A 01 JUN 10  ........................................................................

 PATRÍCIA AZEVEDO SANTOS 

 

 

VER EXPOSIÇÃO

 

 

SALA EA-1.23 ESCOLA DE ARQUITECTURA

..

 

 

 

DESAPARECIMENTO COLECTIVO

Partindo de uma ideia de espaço público enquanto espaço específico de ocupações comuns, que se constrói através de um processo que institui o que dele faz parte e do que dele está excluído, ensaiou-se a hipótese de uma prática artística que pudesse constituir-se como possibilidade de questionamento crítico acerca destes processos políticos de construção do espaço. Esta investigação procurou debater o potencial especulativo de uma prática artística colaborativa na produção de experiências ou realidades imaginadas, ficcionais. Cumprindo um papel de subversão simbólica do real, a prática artística poderá, embora não ambicionando transformá-lo efectivamente, produzir formas de reconfiguração da experiência, que apelem a uma capacidade de o transformar.

PATRÍCIA AZEVEDO SANTOS.

 

Artista.

Porto, 1984. Licenciada em Artes Plásticas – Pintura pela Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto. Concluiu recentemente o Mestrado em Arte e Design para o Espaço Público na mesma instituição, com o tema “A dimensão especulativa da prática artística: a partir do caso de estudo do Bairro da Marinha de Silvalde”. Organiza a sua primeira exposição individual, “Mobilidade Relativa”, em 2007, no Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar (Porto). Desde então tem participado em exposições individuais e colectivas e integrado publicações periódicas e encontros científicos.

..................................................................................................