ENCONTROS ESTÚDIO UM: TEMAS E OBJECTOS DO DESENHO

 

# 1: DESENHO E ARQUITECTURA

 

ANDRÉ TAVARES

 

LIVROS DE ARQUITECTURA

 

SINOPSE

 

Qual a natureza da relação entre os arquitectos e os seus livros?

E como é que essa relação pode transformar o livro de arquitectura num género específico da história do livro?

Quais serão os principais géneros literários da arquitectura?

E como é que os arquitectos lêem e utilizam os seus livros?

Será suposto ler os livros na cama, no avião em direcção ao próximo estaleiro de obra ou, simplesmente, consultá-los no atelier?

Esta apresentação mergulha directamente no mar de contradições que estas perguntas evocam.

A partir de alguns exemplos canónicos – e de outros menos canónicos – da história do livro de arquitectura e da história da arquitectura,

o debate procurará lançar hipóteses para entender onde começa a arquitectura e acaba o livro;

ou, por outra ordem de ideias, onde começa o livro e acaba a arquitectura.

 

CV

 

Arquitecto pela Faculdade de Arquitectura da Universidade do Porto (2000),

doutorado pela Universidade do Porto (2009),

 frequentou a École Polytechnique Fédérale de Lausanne, (1998/1999)

 e a Accademia di Architettura di Mendrisio (2003-2004), Suíça.

 Foi autor dos livros Arquitectura Antituberculose, trocas e tráficos na construção terapêutica (Faup-publicações, 2005),

Os fantasmas de Serralves (Dafne, 2007)

 e Novela Bufa do Ufanismo em Concreto (Dafne, 2009).

 Foi professor convidado na Escola de Arquitectura da Universidade do Minho (2008-2011)

 e na Faculdade de Arquitectura da Universidade do Porto (2009-2011).

 É coordenador editorial na Dafne Editora.

 Desde 2011 desenvolve trabalho no campo da história do livro de arquitectura

como bolseiro da Fundação para a Ciência e Tecnologia.

 

18 DE JANEIRO DE 2012 | 14H00

BIBLIOTECA

ESCOLA DE ARQUITECTURA DA UNIVERSIDADE DO MINHO

VOLTAR